Como ir de Buenos Aires para Colonia del Sacramento

Como ir de Buenos Aires para Colonia del Sacramento

Argentina e Uruguai são separados pelo imenso Rio de La Plata e para visitar Colonia del Sacramento partindo de Buenos Aires, o modo mais prático e barato é utilizar os barcos das empresas Buquebus, Seacat e Colonia Express, que possuem terminais em Puerto Madero.

Colonia del Sacramento é a cidade mais meridional do Uruguai e é o bate-volta mais perfeito para quem quer fugir um pouco da intensidade das capitais Buenos Aires, no lado argentino, e Montevidéu, no lado uruguaio.

Preparamos aqui um super guia explicando as diferenças entre as três empresas e ao final, há uma série de dicas importantíssimas explicando como obter as melhores tarifas, procedimentos imigratórios, como funcionam os free shops dos barcos e outros detalhes sobre a viagem. Há também um mapa com a localização dos terminais dos buques.

Buquebus

A Buquebus é a empresa mais antiga a realizar travessias da Argentina para o Uruguai e por possuir a maior frota, também é a que oferece saídas para mais lugares (também vai de Buenos Aires para Montevidéu, Punta del Este, Piriápolis e Arapey) e com maior quantidade de saídas por dia.

No geral, tem os maiores preços para os barcos rápidos, que fazem a travessia em apenas 1 hora, mas é a única que oferece a opção de barco lento, que é bem mais barata, mas leva 3 horas para chegar em Colonia del Sacramento. É também a única que oferece a possibilidade de atravessar seu carro e neste caso, você deve comprar a passagem na opção “bodega”.

Você pode comprar as passagens da Buquebus pelo site, no terminal Dársena Norte ou em um dos vários pontos de venda espalhados por Buenos Aires (veja todos aqui).

Os buques (barcos) partem e chegam do Terminal Dársena Norte, em Puerto Madero. O terminal é de propriedade da Buquebus e fica próximo ao final da Avenida Córdoba. Lá você encontra caixas eletrônicos, guichês de venda de passagens e totens para fazer o check-in presencial.

5459543681_72cc45d180_b (1)

Foto: Liam Quinn – Flickr – CC BY SA2.0

Seacat

Também pertencente à Buquebus, a Seacat opera o trajeto até Colonia del Sacramento em barcos menores que sua “irmã mais velha” e, no geral, possui preços mais atraentes. Só há a opção de travessia rápida (1h). Pra variar, o terminal  de saída/chegada é o de Dársena Norte, exatamente o mesmo da Buquebus.

As tarifas variam de 250 a 650 ARP, dependendo da classe do bilhete. A mais barata é a “tarifa web” que deve ser comprada com no mínimo 10 dias de antecedência pelo site da Seacat. Além do site, os bilhetes também podem ser comprados no terminal da Buquebus ou o escritório da Seacat (Avenida Córdoba, 772)

Há vários relatos de pessoas que compram a passagem pela Seacat e na hora são realocadas para algum barco da Buquebus. Em geral, isso ocorre quando há espaço de sobra nos dois barcos, e como os buques da Buquebus são bem maiores, eles juntam os passageiros em um barco só, para evitar prejuízos. Ou seja, “don’t panic!” se escutar que a saída pela Seacat foi cancelada. Logo em seguida você verá/ouvirá a chamada para o embarque pela Buquebus mesmo.

sea-cat-colonia_64b2a1b73c7c5c4e3db7f24ee92ff623

Colonia Express

Os barcos são pequenos, semelhantes aos da Seacat e também fazem apenas a travessia rápida. É a que oferece os melhores preços. As tarifas vão de 98 a 278 ARP, dependendo da classe, e os bilhetes podem ser comprados direto no site da Colonia Express, direto no terminal ou no escritório da empresa (Avenida Córdoba, 753).

Os barcos chegam/partem do “Terminal Dársena Sur” em Puerto Madero, já numa região mais estranha da zona portuária. Caso seja esta a sua opção, prefira pegar o rádio táxi de uma região mais estratégica do Centro de Buenos Aires para chegar ao terminal da Colonia Express, para evitar correr riscos.

Travessia rápida, preço imbatível…uma maravilha, não? Mas, entretanto, porém e todavia, há um bom número de relatos de cancelamentos de travessias em cima da hora por parte da Colonia Express. Ou seja, não vá com tanta sede neste pote. Talvez, seja uma boa opção em alta temporada, quando todos os buques das 3 empresas vendem bastante e não há razão para cancelamento das viagens. No mais, eu deixaria como plano C mesmo, caso não conseguisse passagem por um preço razoável na Buquebus ou na Seacat.

buquebus-turistico

 

Dicas Importantes

– Para obter as melhores tarifas a palavra chave é ANTECEDÊNCIA. As passagens dos buques seguem o mesmo esquema das passagens aéreas. Ou seja, quanto mais próximas da partida, mais caras ficam. Fora que, como as tarifas promocionais e web acabam rápido, é quase impossível conseguir uma delas na hora da viagem. Resumindo, colocou a ida pro Uruguai no roteiro, compre logo a sua passagem de barco;

– SEMPRE confira as condições de venda dos bilhetes promocionais e tarifas web. Em geral, não permitem remarcação, transferência de titularidade ou reembolso;

– É recomendado chegar com, no mínimo, uma hora de antecedência aos terminais de embarque (2 horas em alta temporada). Assim como nos aeroportos, em viagens internacionais, você deverá passar pela fila da imigração, com a diferença que aqui você ganha o carimbo de saída da Argentina e já ganha o de entrada do Uruguai de uma só vez, antes de embarcar. No mais, você também deve fazer check-in e o despacho das malas;

– Você deve apresentar o passaporte ou o RG (com foto recente e em bom estado) para os oficiais de imigração dos dois países, assim como a ficha de imigração (se não estiver com ela, você recebe uma bela de uma multa na hora);

– Evite a todo custo os taxistas que ficam na porta dos terminais oferecendo o serviço para quem está chegando em Buenos Aires. Estes cobram corridas fechadas, 3 ou 4 vezes mais caras que um táxi comum, que opera com taxímetro. Sendo assim, já saia do hotel com o telefone do rádio táxi, que é a forma mais segura e barata de andar de táxi em Buenos Aires;

– Limite de bagagem: Franquia de 20 Kg por pessoa na Buquebus (1 volume) e 30 Kg na Seacat (1 volume) e Colonia Express (nesta, pode ser dividida em até 2 volumes);

– As três empresas possuem free shop dentro dos buques, que abrem poucos minutos após a saída dos portos. Aí é aquele esquema né, barco maior, free shop maior. Nisso, quem vai de Buquebus aproveita mais, com lojas de até dois andares. Na Seacat e na Colonia Express a coisa é um tanto menor, mas dá pra ser feliz. Todas aceitam cartões de crédito e débito internacionais, além de dólares, pesos argentinos e uruguaios;

– Caso você queira passar o dia em Colonia del Sacramento e depois seguir viagem para outra cidade uruguaia, NÃO compre o bilhete do ônibus junto com o do buque. O pacote barco+ônibus (buque+bus =rá! 🙂 ) é para embarque imediato, assim que você sai do barco. A rodoviária de Colonia del Sacramento fica ao lado do porto e lá você pode comprar a sua passagem para seguir mais tarde, no horário de sua preferência;

– Há opções de pacotes turísticos nos sites da Buquebus, Seacat e Colonia Express, em que você pode comprar a passagem do buque combinada com diárias de hotéis e passeios no seu destino. O preço é bem atrativo, porém não há parcelamento para estrangeiros. Para mais detalhes, clique na opção “Paquetes Turísticos” de cada site;

– Transporte de animais: Gatos e cães desde que acondicionados devidamente em caixas de transporte com ventilação adequada. Cães-guia podem ir com seus donos desde que apresentado o certificado de adestramento;

Pra finalizar, segue o nosso mapa com a localização dos terminais em Buenos Aires, pra você não se perder!

+LEIA MAIS: Todos os posts sobre Buenos Aires que já publicamos.

Créditos Imagem Destacada: Rod Waddington/Creative Commons

Engenheiro Bioquímico por formação, Carioca por vocação, 30 anos. 11 em cada 10 sonhos seus envolvem nomadismo e lugares pouco convencionais ao redor do mundo. Uma hora ele acaba realizando.