Chile - Como Chegar em Torres del Paine

Chile – Como Chegar em Torres del Paine

Localizado à aproximadamente 150 km de Puerto Natales, no extremo sul do Chile, o Parque Nacional Torres del Paine é a atual Mecca do trekking na América do Sul e tem sido cada vez mais procurado por brasileiros interessados em percorrer os míticos circuitos W e O, entre montanhas de granito e lagos gelados de água azul turquesa.

Neste post, daremos todas as opções de chegada no parque para quem sai do Brasil, tomando como referência a entrada principal na Guardería Laguna Amarga. Ao final, também comentamos sobre as outras entradas e as formas de acesso aos circuitos de Torres del Paine.

Guanacos nas margens da Laguna Amarga - Torres del Paine

Guanacos nas margens da Laguna Amarga – Torres del Paine

Como Chegar em Puerto Natales

Chegar em Torres del Paine é tarefa demorada e soma muitas horas de viagem entre escalas de avião e trechos por terra, já que Perto Natales não tem aeroporto. Saindo do Brasil, os Aeroportos mais estratégicos para chegar a Puerto Natales são os de Punta Arenas, no lado Chileno da Patagônia, e os de El Calafate e Rio Gallegos, no lado Argentino.

Indo pelo Chile, sempre rola uma escala em Santiago antes da chegada à Punta Arenas, e os vôos são operados pela Latam e Sky Airlines. Já no lado Argentino, a escala é feita em Buenos Aires e os vôos são operados pela Aerolíneas Argentinas/Austral e também pela Latam.

*ATUALIZAÇÃO: Desde 2016, a Latam passou a oferecer vôos às terças e sábados direto para Puerto Natales, partindo de Santiago do Chile.

aeroporto santiago punta arenas lan sky

Punta Arenas é a melhor opção para desembarcar, pois além da frequência de ônibus até Puerto Natales ser muito maior do que nas cidades argentinas, você não precisa perder quase 2 horas só pra atravessar a fronteira da Argentina pro Chile.

São mais de 25 saídas de ônibus por dia, todos os dias do ano. As empresas que oferecem o serviço são: Bus-Sur, Buses Pacheco, Buses Fernández e Buses Magallanes. O preço gira em torno de 5000-6000 Pesos Chilenos (Só Ida) e 9000-11000 Pesos Chilenos (Ida e Volta) e a viagem dura 3 horas e meia.

Monumento ao Vento visto da janela do ônibus - Ruta del Fín del Mundo - Punta Arenas

Monumento ao Vento visto da janela do ônibus – Ruta del Fín del Mundo – Punta Arenas

El Calafate é uma boa opção para quem está passando por várias cidades na Patagônia, pois é a combinação argentina mais óbvia com Puerto Natales e Torres del Paine, Rio Gallegos está mais para uma parada estratégica mesmo e pode ser uma boa opção na alta temporada, quando as passagens aéreas para El Calafate e Punta Arenas ficam muito concorridas e podem até esgotar em determinadas datas.

Terminal Rodiviário de El Calafate

Terminal Rodoviário de El Calafate

As duas estão praticamente à mesma distância de Puerto Natales que Punta Arenas. Porém, as saídas de ônibus são bem mais escassas. Basicamente um ônibus por dia e se você não quiser ficar de mãos abanando na rodoviária, reserve sua passagem antecipadamente. A viagem dura cerca de 6 horas, contanto com o tempo de estrada mais os procedimentos de imigração nos dois lados e o preço médio é de 450 pesos argentinos.

De Puerto Natales até Torres del Paine

Puerto Natales não tem lá grandes opções de diversão, pra não dizer quase nenhuma. Está mais pra uma parada estratégica para os que querem chegar a Torres del Paine do que qualquer outra coisa.

A cidade conta com o básico para você descansar e resolver a vida antes de rumar para o parque ou alguma cidade vizinha. Uma quantidade razoável de albergues e pequenos hotéis, lojas de artigos de aventura, bancos, restaurantes, um supermercado e umas 3 casas de câmbio.

Para chegar de forma independente em Torres del Paine, tente reservar a sua passagem com antecedência através das empresas Buses Gómez e Buses Pacheco, que são as que fazem o trajeto entre a Rodoviária de Puerto Natales e o Parque Nacional. Na rodoviária também há guichês para compra das passagens, mas em alta temporada é totalmente desaconselhável deixar pra comprar na hora.

puerto natales rodoviária rodoviario torres del paine buses gómes pacheco

Na alta temporada, os ônibus saem todos os dias às 7:30 hs e às 14:30 hs. Em baixa temporada, os horários devem ser consultados com antecedência. O preço das passagens é de 2800 pesos chilenos (Ida e Volta).

Na rodoviária também é possível deixar guardada a bagagem que será desnecessária durante a sua estadia no parque, ao preço de 1000 pesos chilenos por dia. Basta procurar o balcão de “Custodia de Equipaje”, que fica ao lado do guichê de informações turísticas.

E de Carro? Por Onde Vou?

Na minha humilde opinião, se você pode ir de carro para a Patagônia, não desperdice esse oportunidade única. Estradas nível “coisa de cinema” como a Ruta 40, na Argentina, e a Ruta del Fin del Mundo, no Chile, merecem algumas paradas para fotografar as incríveis paisagens que estão às suas margens.

Ruta de Fín del Mundo -Cerro Castillo - Puerto Natales - Foto: Celestyn Brozek (Flickr) - CC BY 2.0

Ruta de Fín del Mundo -Cerro Castillo – Puerto Natales – Foto: Celestyn Brozek (Flickr) – CC BY 2.0

Indo por Buenos Aires: A melhor opção para quem está saindo do Brasil em direção à Patagônia. Da capital argentina até Puerto Natales, percorre-se cerca de 2800 Km. Quase todo trajeto é dominado pela Ruta 3, passando por cidades do litoral como Bahía Blanca, Puerto Madryn, Trelew e Comodoro Rivadavia, que são ótimos pontos para curtir outras cidades durante a viagem ou apenas descansar em cidades com melhor estrutura.

Em Río Gallegos, a Ruta 3 fica pra trás e o último trecho pela Argentina é percorrido até Rio Turbio em uma das estradas mais bonitas da América do Sul, a lendária Ruta 40. Você saberá que chegou em Rio Turbio ao avistar as estruturas das indústrias de mineração locais. Aí então deve-se entrar na Ruta 293, trecho rápido de estrada que abriga os dois postos de fronteira, em Dorotea.

Indo por Santiago: Sair de Santiago rumo à Torres del Paine de carro só é vantajoso caso você já esteja descendo a América do Sul por cidades mais próximas da Cordilheira dos Andes ou se já estiver na capital chilena. Lembrando que este trajeto inclui passar duas vezes pelos procedimentos de fronteira. Isso porque quanto mais ao sul, o território chileno vai se tornando um sem numero de ilhas, impedindo a passagem de qualquer estrada ligando o centro do país ao extremo sul.

O trajeto é composto por um longo trecho descendo de Santiago até a pequena Freire, pela Ruta Panamericana Sur (Ruta 5), e se deve entrar na Ruta 199, que é a mesma que dá acesso à Villarica e Pucón.

Feitos os trâmites de fronteira, a mesma estrada segue em território argentino passando por Junín de los Andes ates de se encontrar com a Ruta 40 e seguir até Río Turbio, passando por Bariloche e El Calafate, paradas mais que obrigatórias para descanso e, principalmente, passar alguns dias curtindo estas cidades incríveis.

Após cruzar a fronteira em Dorotea, de volta ao Chile, a Ruta del Fin del Mundo (Ruta 9), dá acesso tanto a Puerto Natales quanto a Vila Cerro Castillo, que marca o início da estrada de cascalho que dá acesso à Guardería Laguna Amarga, principal entrada e local de registro de visitantes do parque.

Indo por El Calafate: se você optou por alugar um carro em El Calafate e dar uma esticada até Torres del Paine, basta ir para a saída da cidade que leva até a Ruta 40 e rumar até Dorotea, também passando por Río Turbio. O percurso total é de 332 Km, combinando a Ruta 40, a Ruta 293 (fronteira) e a Ruta 9.

Esse trecho da Ruta 40 é incrível e bem conservado, mas é altamente recomendável (como já dissemos) ir com tanque cheio. Os postos de gasolina são escassos e não funcionam de noite.

Indo por Punta Arenas: em Punta Arenas você também pode alugar um carro caso deseje ir para Torres del Paine no seu ritmo. A cidade dista 354 km da entrada do parque e a ligação é feita através da Ruta del Fin del Mundo (Ruta 9) até a Vila Cerro Castillo, onde há uma parada de ônibus e o início da estrada de cascalho até a Guardería Laguna Amarga.

Entradas do Parque

Todas as referências até aqui foram dadas em relação à entrada principal do Parque, a Guardería Laguna Amarga, que é onde fica o posto de registro obrigatório de visitantes e se faz o pagamento da taxa de entrada no parque.

Guardería Laguna Amarga - Torres del Paine

Guardería Laguna Amarga – Torres del Paine

Para quem estiver interessado em fazer os circuitos W e O entrando pela Guardería Pudeto, basta fazer o registro e seguir em frente por mais 30 minutos (carro/ônibus). Veja o mapa abaixo (clique para ampliar):

mapaPAINE

Entrando por Laguna Amarga, é possível chegar ao Refúgio Torres Central (Fantastico Sur) em 30 minutos de caminhada, ou então pagando 2800 pesos chilenos para ir de Van, caso você não esteja de carro. O trajeto de Pudeto até o Lodge Paine Grande é feita através de catamarãs que cruzam o Lago Pehoe e as passagens custam 12000 pesos chilenos (só ida) ou 19000 pesos chilenos (ida e volta). Veja aqui os horários de ida e volta.

catamarã catamarán pudeto paine grande torres del paine

Uma entrada alternativa para entrar na parte de Torres del Paine fora dos circuitos W e O, é a Guardería Serrano, bem próxima à Sede Administrativa da CONAF. O acesso à essa guardería é mais prático caso você queira se hospedar em setores do parque que estejam fora dos grandes circuitos.

Partindo de Puerto Natales, ao invés de sair da Ruta 9 em direção à Torres del Paine em Cerro Castillo, você deverá entrar na estrada que leva à Cueva del Milodón e seguir rumo à Guardería Serrano e à Sede Administrativa.

Note pelo mapa que os circuitos W e O não são a única coisa que se pode fazer em Torres del Paine, na parte mais externa do parque existem outras áreas para trekkings menores, mirantes acessíveis de carro e outras oportunidades de passeios de um dia e prática de esportes. Ou seja, mesmo que você só tenha um dia para visitar o parque, não perca essa oportunidade única!

 

Engenheiro Bioquímico por formação, Carioca por vocação, 30 anos. 11 em cada 10 sonhos seus envolvem nomadismo e lugares pouco convencionais ao redor do mundo. Uma hora ele acaba realizando.