Carnaval de Salvador: Dicas para economizar

Carnaval de Salvador: Dicas para economizar

A pergunta que não quer calar é: “Dá pra economizar no Carnaval de Salvador?”. E a resposta mais honesta é que dá, no máximo, pra enxugar o orçamento, já que barato, lá, nunca será.

Discussões à parte sobre qual cidade tem o carnaval mais top de linha do Brasil, uma certeza você pode ter: o de Salvador sempre será o mais caro entre as opções. O bolso tem que estar preparado e isso é fato.

Mas nem tudo está perdido, meu caro folião! É perfeitamente possível, pelo menos, cortar uma boa parte da gordura do seu orçamento e curtir o carnaval na Bahia sem ir à falência.

Neste artigo, você irá dicas testadas e aprovadas para:

  • Conseguir passagens aéreas mais baratas;
  • Economizar na compra dos abadás;
  • Conseguir hospedagem mais barata dentro do circuito Barra-Ondina.

Passagens aéreas

As passagens aéreas para Salvador no Carnaval são exorbitantemente caras, caso você as compre no período entre a Sexta-Feira de carnaval e a Quarta-Feira de cinzas. Mas, experimente comprar a passagem para 1 ou 2 dias, antes e depois do Carnaval e o valor das passagens cai de uma média de R$1800 para algo em torno de R$ 600, ida e volta.

Fonte: Viajor

Fonte: Viajor (Flickr)

Eu e o meu povo pagamos R$450 (ida e volta) ao irmos na quinta-feira anterior ao carnaval e voltarmos na sexta-feira após a quarta de cinzas.

Negocie umas horas com o patrão e aproveite os dias a mais para turistar por Salvador, fazer um bate-volta em Guarajuba, Praia do Forte ou até dar uma esticada até Morro de São Paulo. Nada melhor que uns dias em frente ao mar para curar o cansaço que o carnaval baiano vai te causar!

Compra dos abadás

Os melhores blocos e camarotes você irá encontrar nos sites Central do Carnaval e Quero Abadá. Das compras pela internet até a entrega dos abadás em Salvador, o serviço foi muito bom.

Fonte: ibahia

Retirada dos abadás – Fonte: ibahia

Em cada camarote há uma data com preço bem mais em conta que os outras e o segredo pra gastar menos aqui é ajustar a agenda de camarotes de acordo com os dias mais baratos de cada um. Não é preciso ser nenhum gênio para adivinhar que estas datas esgotam primeiro. Logo, antecedência continua sendo a palavra-chave.

Além da antecedência, uma outra dica para economizar é aproveitar as promoções para casais e os combos. No caso das promoções para casais, (leia-se: “promoções para duplas”, porque tanto faz se é casal ou não), rolam uns descontos legais para compra do par de abadás. Os combos são combinações bloco+camarote, onde adquirindo os dois numa compra só, você também ganha um desconto.

 Hospedagem

No Carnaval de Salvador, o ideal é que a sua hospedagem esteja dentro do circuito ou em bairros próximos. Isso, por diferentes razões que vão desde à segurança até o fato de que você estará moído de cansaço no final da noite e quanto mais próximo estiver da sua cama, melhor. Os bairros Ondina e Barra são os melhores nesses quesitos.

4359342179_e0b1c10904_b

Fonte: Fotos GOVBA (Flickr)

Economizar na hospedagem durante o carnaval é das tarefas mais complicadas e a melhor solução encontrada foi o aluguel de um apartamento. Considerando a lotação máxima de cada apartamento, o preço sai por uma média de uns R$ 1000,00 por pessoa.

Além de estar a 200 metros do circuito, a grande vantagem é que o período de hospedagem é, em geral, de 9 ou 10 dias. Ou seja, perfeito se você puder dar uma esticada pós-carnaval para fazer alguns passeios.

Utilizamos o serviço do site Central do Apartamento e tudo foi feito de maneira correta, com contrato registrado em cartório, contribuindo para que tivéssemos um carnaval tranquilo na terrinha. Para outras formas de hospedagem, com uma boa antecedência, dá pra encontrar boas ofertas no site booking.com.

Tem outra dica para economizar no carnaval de Salvador? Compartilhe conosco nos comentários!

 

Engenheiro Bioquímico por formação, Carioca por vocação, 30 anos. 11 em cada 10 sonhos seus envolvem nomadismo e lugares pouco convencionais ao redor do mundo. Uma hora ele acaba realizando.